Páginas

sábado, 9 de janeiro de 2010


O que vc faz qnd leva um fora, escuta uma coisa que não gostaria, de uma pessoa que vc ama muito? Aquele seu amigo, ou amiga q te joga na cara alguma coisa, o chefe q te dá uma bronca na frente dos seus colegas, um familiar que te desmente, quando fazem uma fofoca a seu respeito?

Assim, nos primeiros momentos, logo depois ?

Não te dá uma raiva, não raiva do outro, mas raiva de vc, de como se sente um idiota diante de uma coisa q vc não tem controle?

Não te enche os olhos de lagrimas, mas vc fica segurando até chegar em casa pra se acabar de chorar?

Não te bambeia as pernas e faltam as palavras para responder?

E como vc não estava esperando ouvir/ler/ver o que aconteceu vc nunca tem a resposta perfeita e só quando passa a oportunidade vc diz: deveria ter falado isso , isso e isso.....

Você corre pra esquecer? se refugia pra lembrar? Come de raiva? para de comer de ódio?

Você escuta músicas de depressão, ou sai pra dançar até os pés sangrarem?

Você conta pra alguém, ou guarda pra vc?

Você perdoa, ou guarda mágoa?

Você entende os fatos, ou complica ainda mais?

Você chora os mortos ou insiste em mante - los vivos?

6 comentários:

Ivan disse...

Eu acho que faço tudo isso e mais um pouco. É um momento de total perdição. Horrível, meu bem.

Beijos.

Ivan.

Debor@h disse...

Aii é complicado Amanda, eu já fiz várias dessas coisas e nãoe sotu num dos meus melhores momentos para dar conselhos viu haha Bjs e força!! Te entendo amiga. Bjss

Luna Sanchez disse...

Hummmmm

Eu sinto raiva de mim, por, talvez, ter sido ingênua e confiado em quem não merecia, e sinto raiva do outro, sim, porque não aprovo crueldades, verdades duras, ditas a sangue frio, injustiças, e nada do que venha no rastro disso.

Não tenho o dom de esperar para chorar depois, não, flor : as lágrimas caem, sem me perguntar se está na hora. Choro até esvaziar, esgoto o assunto...e sigo em frente. ;)

Beijo, beijo.

ℓυηα

Ka disse...

Amanda, pelo visto aconteceu alguma coisa né... Eu faço tudo isso e mais um pouco, me descabelo, fico com raiva, perdão é algo mais complexo pq as feridas precisam sarar de verdade antes de perdoar, mas um dia, por mais dificil que seja, um dia esta máfoa passa e mesmo se vc não entender, vc acaba aceitando os fatos.

Amanda disse...

Ivan.....eu sei meu bem, perdição!

**********************************************
Débor@h....Cada um encara de uma maneira diferente, mas nós mulheres tendemos a ter meio que um padrão...sei lá.. fica bem tb!

bjos!
***********************************************
Luna...

Eu me seguro o máximo q posso, geralmente não espero chegar em casa..choro no meio da rua mesmo...rs..mas evito chorar na frente da pessoa... e eu tb sou assim, se me fez chorar, que é o ultima coisa q eu tolero, eu sigo em frente!

beijos
*********************************************
Ka....
Aconteceu...mas, o post foi inspirado em muitas histórias q escutei no fds....uma amiga traira, uma ex mulher vingativa, uma fofoca, e no meu caso o fora bem dado mesmo!
sei se vai rolar perdão não, pelo menos por enquanto....

bjokas!

Déia disse...

Eu, choro.

Vou prum canto e reflito quanto daquilo é meu e quanto é do outro.

Penso pq será que dei margem a esse tipo de palavras ofensivas.. ou se é apenas uma crueldade do outro, sem fundamentos.

Depois, tento aprender algo de útil com aquilo...

Pode ser que eu me afaste da pessoa tb...

E depois de um tempo... a dor diminui rs

bj